Quando eu conheci Jesus, o refrigerante

Quando eu conheci Jesus, o refrigerante

Essa semana experimentei o famoso Guaraná Jesus, conhecido como “O Sabor de Viver o Maranhão”, o refrigerante que faz mais sucesso pelo nome inusitado do que pelo seu gosto, criado pelo farmacêutico Jesus Norberto Gomes que, ironicamente, era ateu e chegou a ser excomungado por causa disso. O guaraná surgiu de uma tentativa frustrada de fabricar um remédio.

Líder de mercado no Maranhão, a marca acabou sendo comprada pela Coca-Cola em 2001, e o que antes era restrito ao estado, já está presente em boa parte do Brasil.

Logo que abri a lata já senti um aroma bem doce e gostoso, lembra muito o sabor de bala, mas surpresa viria em seguida, Jesus é rosa e o sabor é algo bem tutti-frutti, o gosto é bem forte. Eu não recomendaria beber isso em uma refeição com carne por exemplo, é bem doce, chega a ser enjoativo. O seu gosto é algo como cravo e canela, que segundo a lenda local fazem parte da lista dos 17 ingredientes que compõe a bebida.

Os ingredientes da bebida que agradou aos netos do farmacêutico são, até onde sabe-se, naturais. São extratos de extratos de guaraná, cafeína, teofilina e teobromina.

Guaraná Jesus

Guaraná Jesus

Guaraná Jesus

Guaraná Jesus

Deixe seu comentário:

+ Curiosidades

Chegou a hora de revermos o que foi feito pela Barbie nos últimos 57 anos
Chegou a hora de revermos o que foi feito pela Barbie nos últimos 57 anos
5 Motivos para amar o Murdoque
5 Motivos para amar o Murdoque
Tags:, , , , , ,